Bula Acetoflux

Photo 2017 07 05 15.29.18

Indicação

Para que serve?

O Acetoflux é um remédio indicado para o tratamento da amenorreia secundária, que se caracteriza por uma ausência de menstruação por um período maior que 3 meses em mulheres que já tiveram ciclos menstruais.

Além disso, também pode ser usado no tratamento do sangramento uterino disfuncional devido ao desequilíbrio hormonal na ausência de doenças como mioma ou carcinoma do útero.

Também é indicado na terapia hormonal.

Posologia

Como usar?

Tratamento de amenorreia secundária:

Recomenda-se a administração de 2,5-10 mg diários de acetato de medroxiprogesterona por 5 a 10 dias, por 3 ciclos consecutivos. A dose para induzir uma transformação secretória ótima em um endométrio adequadamente preparado com estrogênios endógenos ou exógenos, é de 10 mg diários, durante 10 dias. Em casos de amenorreia secundária, a terapia pode ser iniciada em qualquer época. O sangramento por suspensão progestogênica ocorre em 3 a 7 dias, se o endométrio foi anteriormente preparado com estrógeno endógeno ou exógeno adequado.

Sangramento uterino disfuncional devido ao desequilíbrio hormonal, na ausência de patologias orgânicas:

O acetato de medroxiprogesterona pode ser administrado na dose de 2,5 a 10 mg diários, por 5 a 10 dias, por 2 a 3 ciclos e então a terapia deve ser descontinuada para se verificar se o sangramento regrediu.

Terapia hormonal em oposição aos efeitos endometriais do estrogênio em mulheres na menopausa não histerectomizadas, como complemento à terapia estrogênica:

Para mulheres recebendo 0,625 mg de estrógenos conjugados ou dose equivalente diárias de qualquer outro estrógeno, o acetato de medroxiprogesterona pode ser administrado em um dos seguintes esquemas:

  • Administração contínua: administrar doses diárias de 2,5-5,0 mg de acetato de medroxiprogesterona.
  • Administração sequencial: administrar doses diárias de 5-10 mg de acetato de medroxiprogesterona por 10 a 14 dias consecutivos, a cada 28 dias ou a cada ciclo mensal.

Ocorre sangramento por suspensão ou spotting após a suspensão de acetato de medroxiprogesterona em 75-80% das mulheres sob este esquema posológico.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Os efeitos colaterais que podem ocorrer com o tratamento com Acetoflux são variação de peso, insônia, depressão, tontura, dor de cabeça, nervosismo, sonolência, distúrbios tromboembólicos, náusea, icterícia, acne, alopecia, aumento de pelo, coceira, rash, erupção cutânea, urticária, sangramento do útero anormal, ausência de menstruação, feridas no colo do útero, alterações de secreções do colo do útero, ausência de ovulação, galactorreia, dor no seio, aumento da sensiblidade das mamas, retenção de líquidos, reações de hipersensibilidade, cansaço, aumento da temperatura do corpo e diminuição da tolerância à glicose.

Contraindicações

Quando não devo usar?

O Acetoflux é contraindicado em pessoas que têm ou já tiveram doenças vasculares, distúrbios tromboembólicos e cerebrovasculares, diminuição grave da função do fígado, presença ou suspeita de doença maligna dos órgãos genitais, sangramento vaginal de causa desconhecida ou aborto incompleto.

Além disso, não deve ser usado por pacientes que apresentam hipersensibilidade à medroxiprogesterona ou a qualquer componente da fórmula, mulheres grávidas ou com suspeita de gravidez e lactantes.

Quando usado no diagnóstico ou tratamento de doenças ginecológicas não oncológicas, está contraindicado na presença ou suspeita de doença maligna de mama.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou que possam ficar grávidas durante o tratamento.

É muito importante informar o médico caso se esteja utilizando outros medicamentos antes do início ou durante o tratamento com Acetoflux.

Se a pessoa tiver que realizar exames laboratoriais, deve informar ao médico patologista que está em tratamento com este medicamento.

A pessoa também deve informar o médico se tem ou teve depressão, retenção de líquidos, ou tromboembolismo venoso.

O uso de terapia combinada estrógeno-progestágeno em mulheres pós-menopausadas deve se limitar à menor duração consistente com as metas de tratamento e os riscos individuais para o paciente conforme avaliados pelo médico. Este medicamento pode interromper a menstruação por período prolongado e/ou causar sangramentos intermenstruais severos.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

O Acetoflux é um medicamento sintético, semelhante ao hormônio progesterona que existe normalmente no organismo da mulher e age regulando o sistema endócrino, controlando o ciclo menstrual e/ou sangramentos resultantes deste.

Por ser uma substância semelhante à progesterona pode também funcionar como substituto desse hormônio nas mulheres com deficiência do mesmo.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de superdose, deve-se ir imediatamente ao médico.

Composição

Cada comprimido de Acetoflux 10 mg contém:

Acetato de medroxiprogesterona____________________10 mg

Excipientes__________________________q.s.p. 1 comprimido

(Excipientes: croscarmelose sódica, celulose microcristalina, esterarato de magnésio).

Laboratório

EMS

SAC: 0800 191914.

 

Dizeres legais:

Reg. M.S. nº 1.0235.0036 | Farm. Resp.: Dr. Ronoel Caza de Dio CRF-SP nº 19.710