Bula Mirapex

Indicação

Para que serve?

Mirapex é indicado no tratamento dos sinais e sintomas da doença de Parkinson e no tratamento do síndrome das pernas inquietas, em adultos.

Posologia

Como usar?

Mirapex é um medicamento que apenas deve ser administrado de acordo com indicação médica, pois as doses recomendadas dependem do problema a tratar e da idade e responta individual de cada paciente ao tratamento.

Os comprimidos de Mirapex devem ser tomados depois de comer, para evitar náusea ou vômito, juntamente com um copo de água.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais de Mirapex podem incluir sonolência extrema, tontura, náusea, desmaio, dor de cabeça, insônia, prisão de ventre, fraqueza muscular, sonhos anormais, confusão, câncer da pele, problemas de memória, urinar com mais frequência, adormecer subitamente, transpiração excessiva, desejos incomuns como jogos, compulsão alimentar, consumismo excessivo e aumento da libido, alucinações ou comportamentos psicóticos como visões, ouvir sons, desconfiança excessiva, comportamento agressivo, agitação, crenças delirantes ou pensamento desorganizado ou movimentos bruscos incontroláveis.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Mirapex está contraindicado para crianças e para pacientes com alergia ao Pramipexol ou a outros componentes da fórmula.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

Mirapex é um medicamento que tem na sua composição Dicloridrato ​Monoidratado de Pramipexol, um composto cujo o mecanismo de acção ainda não se encontra totalmente esclarecido. Porém, acredita-se que a sua acção se escontra relacionada com a sua capacidade de estimular os receptores de dopamina no corpo estriado do cérebro.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Mirapex​, deverá falar com o seu médico se estiver grávida, pretendendo engravidar ou amamentando, tiver alguma doença do sono, pressão sanguínea baixa, tonturas ou desmaios, problemas no controlo dos músculos, problemas ou doenças nos rins, tiver um consumo de álcool excessivo ou exagerado, se tiver outros problemas de saúde ou doenças ou se estiver a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

Durante o tratamento com Mirapex deve evitar dirigir veículos ou maquinas, pois este medicamento pode causar sonolência.

O tratamento com Mirapex​ nunca deve ser interrompido sem conhecimento do seu médico e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser rigorosamente respeitados.

Composição

Mirapex de 0,125 mg, 0,25 mg, 0,5 mg, 0,75 mg, 1 mg ou 1.5 mg por cada comprimido contém:

Dicloridrato ​Monoidratado de Pramipexol __ 0,125 mg, 0,25 mg, 0,5 mg, 0,75 mg, 1 mg ou 1.5 mg

Excipientes ______________________________ 1 Comprimido

(Excipientes: manitol, amido de milho, dióxido de silício coloidal, povidona e estearato de magnésio).

Interações Medicamentosas

Mirapex não deve ser administrado em conjunto com alguns medicamentos ou substâncias sem orientação médica, como bebidas alcoólicas, medicamentos neurolépticos como fenotiazinas, butirofenonas, tioxantenos, metoclopramida, pramipexol de liberação prolongada, como Mirapex ER ou com medicamentos que causem sonolência como a cimetidina.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Mirapex​, deve dirigir-se ao hospital mais próximo, levando a embalagem ou bula do medicamento.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso ocorra o esquecimento da administração de uma dose de Mirapex deve saltar a dose esquecida e tomar apenas a dose do horário seguinte. As doses de ​Mirapex nunca devem ser administradas a dobrar ou em horários muito próximos.

Laboratório

Boehringer Ingelheim Pharmaceuticals

– Tel.: 1 800 542 6257

O genérico de Mirapex é o Dicloridrato ​de Pramipexol, porém outros remédios para o tratamento da doença de Parkinson podem ser Akineton ou Sinemet.