Bula Ondansetron

Indicação

Para que serve?

O Ondansetron é um remédio antiemético para uso conjunto durante tratamento antineoplásico.

É também indicado para prevenção e tratamento dos fenômenos eméticos do pós-operatório.

Posologia

Como usar?

A posologia de Ondansetron depende da idade da pessoa e pode variar de acordo com os sintomas:

Adultos:

A dose recomendada pode variar entre 8 – 32 mg/dia.

  • Quimioterapia e radioterapia emetogênica: Deve-se administrar Ondansetron 8 mg como uma injeção intravenosa lenta, imediatamente antes do tratamento, ou oralmente 1 a 2 horas antes do tratamento, seguida de 8 mg de 12 em 12 horas por via oral. Na prevenção da êmese tardia após as primeiras 24 horas, deve-se, continuar o tratamento com Ondansetron por via oral na dose de 8 mg, 2 vezes ao dia, por até 5 dias, após um curso de tratamento.
  • Quimioterapia altamente emetogênica: Deve-se administrar uma dose de 8 mg como uma injeção intravenosa lenta, imediatamente antes da quimioterapia, seguida de outras 2 doses de 8 mg adicionais, 2 e 4 horas após, ou através de infusão contínua de 1 mg/hora por até 24 horas; uma dose única de 32 mg diluída em 50-100 ml de solução salina de fluido de infusão compatível.
  • Náusea e vômito do pós-operatório: Na prevenção da náusea e vômito do pós-operatório, Ondansetron pode ser administrado por via oral na dose de 8 mg, uma hora antes da anestesia, seguida de 2 doses de 8 mg em intervalos de 8 horas. Alternativamente pode-se administrar uma dose única de 4 mg, através de injeção intravenosa lenta, na indução da anestesia. No tratamento de náusea e vômito do pós-operatório já estabelecidos, recomenda-se a administração intravenosa lenta de 4 mg em uma dose única.

A eficácia do tratamento com Ondansetron pode ser aumentada pela adição de uma dose única de 20 mg de fosfato sódico de dexametasona, intravenosa, antes da quimioterapia. Na prevenção da êmese tardia, após as primeiras 24 horas, Ondansetron deve ser administrado por via oral numa dosagem de 8 mg, 2 vezes ao dia, por até 5 dias, após um curso de tratamento.

Crianças:

A experiência em crianças ainda é limitada, mas o Ondansetron parece ser efetivo e bem tolerado em crianças com mais de 4 anos, em administração intravenosa de 5 mg/m2 durante 15 minutos, imediatamente antes da quimioterapia, seguida de dose de 4 mg por via oral, 12 horas após. Pode-se continuar o tratamento por via oral na dose de 4 mg, 2 vezes ao dia, por até 5 dias, após um curso de tratamento.

A dose diária em pessoas com insuficiência hepática, não deve exceder 8 mg.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Este remédio é contraindicado em pessoas com hipersensibilidade conhecida ao princípio ativo ou a qualquer componente da fórmula.

Conheça outros remédios indicados para o alívio do enjoo e vômito.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Embora seja raro, podem ocorrer dores de cabeça e prisão de ventre leve. Este último efeito é quase sempre benéfico, pois contrabalança a diarréia induzida por drogas citotóxicas.

Podem também ocorrer sensação de calor ou rubor na cabeça e no epigástrio e aumento assintomático nas aminotransferases.

Há ainda relatos de hipersensibilidade imediata ao ondansetron.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

As soluções intravenosas devem ser preparadas no momento da infusão.

Embora não se tenha observado efeitos teratogênicos em estudos com animais, somente se recomenda a administração de Ondansetron durante a gravidez se o benefício esperado justificar o risco potencial ao feto.

Considerando que a excreção no leite materno é possível, visto que ondansetron é excretado no leite de animais, a administração de Ondansetron em mulheres durante o período de amamentação não é recomendado.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de suspeita de superdosagem, deve-se proceder às medidas de suporte das funções vitais.

Composição

Cada comprimido de 4 mg contém:

Cloridrato diidratado de ondansetron________________4 mg

Excipiente_________________________q.s.p. 1 comprimido

Cada comprimido de 8 mg contém:

Cloridrato diidratado de ondansetron________________8 mg

Excipiente_________________________q.s.p. 1 comprimido

Cada ampola de 4 mg contém:

Cloridrato diidratado de ondansetron________________4 mg

Veículo q.s.p.__________________________________2 mL

Cada ampola de 8 mg contém:

Cloridrato diidratado de ondansetron________________8 mg

Veículo q.s.p___________________________________4 mL

Laboratório

Biosintética Farmacêutica Ltda.

SAC: 0800-7016900