Bula Secni-plus

Indicação

Para que serve?

Amebíase intestinal sob todas as formas, amebíase hepática, giardíase, tricomoníase. Alguns estudos recentes têm demonstrado que Secni-plus (secnidazol) pode ser uma alternativa terapêutica para as vaginoses bacterianas (geralmente provocadas pela Gardnerella vaginalis).

Contraindicações

Quando não devo usar?

Hipersensibilidade aos derivados imidazólicos; suspeita de gravidez; amamentação.

Conheça outros remédios para o tratamento de infecções por verme.

Posologia

Como usar?

Adultos: Dose única de 2 g (2 comprimidos de 1.000 mg ou 4 comprimidos de 500 mg) para tricomoníase, amebíase intestinal e giardíase, sendo que na tricomoníase a mesma dose é recomendada ao parceiro sexual; nos casos de amebíase hepática, 500 mg (1 comprimido de 500 mg), 3 vezes ao dia, durante 5 a 7 dias. Crianças: Dose única de 30 mg/kg de peso (máximo de 2 g), ou seja, 1 ml/kg de peso na amebíase intestinal e giardíase; 30 mg/kg/dia (máximo de 2 g), ou seja, 1 ml/kg de peso durante 5 a 7 dias em amebíase hepática.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Distúrbios digestivos: náuseas, gastralgia, alteração do paladar (gosto metálico), glossites e estomatites; erupções urticariformes; leucopenia moderada, reversível com a suspensão do tratamento; mais raramente, vertigens, fenômenos de incoordenação e ataxia, parestesias, polineurites sensitivomotoras.

Composição

Cada comprimido contém 500 mg e 1.000 mg de secnidazol. Cada ml da suspensão oral reconstituída contém 30 mg de secnidazol.

Apresentação

Caixas de 2 e 4 comprimidos de 1.000 mg e caixas de 4 e 8 comprimidos de 500 mg. Pó para suspensão oral: Frasco dosador de 900 mg (30 mg/ml) para diluição de 30 ml em água, acompanhado de copo-medida. Frasco dosador de 450 mg (30 mg/ml) para diluição de 15 ml em água, acompanhado de copo-medida.

FARMOQUÍMICA S/A.

Introdução

Secni-plus
Secnidazol

Laboratório

Farmoquímica S.A.

SAC 0800-250110